Como focar em uma coisa por vez de maneira a alcançar mais em um caminho livre de stress.

*Este artigo é um trabalho de tradução de uma produção de Darius Foroux, “The Power of Single-Tasking”, cujo original encontra-se disponível em seu site e também seu perfil no medium, vale a pena segui-lo.

Você pode conseguir quase tudo na vida… desde que foque em buscar uma coisa por vez. Esta é uma estratégia testada e compartilhada por muitas pessoas bem sucedidas.

Garry Keller e Jay Papasan escreveram um livro inteiro sobre esta ideia simples. Porém, não deixe a simplicidade desta ideia enganar você, pois é uma das coisas mais difíceis de implementar em sua vida.

Ano passado publiquei um artigo sobre focar em um objetivo chamado “The Power of Compounding” (O Poder da Composição). Recebi então diversas perguntas como “Eu entendi, mas eu tenho dificuldade de por em prática.”

Isto acontece porque nós, seres humanos, somos inconstantes. Nossos desejo mudam constantemente. Nós perseguimos coisas novas antes de dar cabo de antigos objetivos.

Nós lidamos com uma força invisível que está sempre tentando nos confundir. Ao invés de focar em uma coisa por vez, nós definimos diversos objetivos, e pensamos que conseguiremos alcançar eles de maneira multitarefa.

Existe uma discrepância entre o que somos capazes (focar uma coisa por vez) e o que nós fazemos (focar tudo ao mesmo tempo).

A questão não é que focar em uma coisa seja uma boa estratégia (veja a imagem no topo deste artigo); é “como podemos nos ater a isso?”. Neste artigo compartilho a maneira como consigo aplicar esta estratégia à minha vida. Mas primeiro, vamos definir a estratégia “One Thing” (Uma Coisa).

Uma Coisa por ÁREA de sua VIDA

Pessoas assumem com frequência que deveriam focar somente uma coisa na vida e PONTO. Porém, não é disso que se trata esta estratégia. Se trata sim, de definir objetivos de forma inteligente. Sim, você pode alcançar muitas coisas… Mas não ao mesmo tempo.

Você não pode construir uma carreira, entrar em forma, competir maratonas, escrever um livro, investir em um negócio, ter filhos, e viajar pelo mundo, tudo ao mesmo tempo. Mas você pode fazer tudo isso ao longo da vida.

Eu mantenho uma prioridade maior por área da minha vida. Classifiquei minha vida da seguinte maneira: carreira, saúde, aprendizado, dinheiro e relacionamentos.

Isso significa que nunca trabalho em mais de um grande projeto. Ou escrevo um livro ou crio um curso online. Aprendo apenas uma habilidade por vez. Ou economizo meu dinheiro, ou estou investindo (naturalmente, estou economizando a maior parte do tempo). Sobre minha saúde, trabalho em melhorar minha força ou minha resistência. E assim por diante.

Essas categorias não se baseiam em nada além da minha própria perspectiva de vida. Você pode categorizar sua vida da maneira que quiser, e não precisa criticar como os outros compartimentam suas vidas. O que importa é que entendamos como categorizamos nossas próprias vidas. Caso contrário, não há estrutura.

Quando não há estrutura… Há caos! Quando há caos, não há uma só coisa, há TUDO. Isso é ruim.

Gerencie seus desejos

A coisa mais natural a fazer para a maioria das pessoas é começar a definir metas ou escolher uma prioridade que deseja focar. Mas a menos que você tenha treinado sua mente para se concentrar em uma coisa, não é algo inteligente a se fazer.

Você deve melhorar seu músculo foco primeiro. Caso contrário, você define uma meta, foca em uma coisa e retorna ao seu antigo comportamento dentro de uma semana.

Você deve mudar sua mentalidade. Vá de “Eu quero tudo” para “Eu aprecio o que tenho”.

Essa é a única maneira de viver essa ideia de “Uma Coisa”. Em outras palavras, controle seus desejos.

Eu recomendo praticar meditação “Mindfulness” ou “Stoicism” por isso. Ambas as filosofias falam extensivamente sobre se separar de nossos desejos. Acho que excesso de desejos é o motivo pelo qual não conseguimos nos concentrar em uma coisa.

Remova seus desejos e você terá a verdadeira liberdade. O estóico Epicteto disse melhor em uma de suas aulas (conforme capturado por seu aluno, Arian):

“A Liberdade é assegurada não pelo cumprimento dos desejos do homem, mas pela remoção do desejo.”

Se você administra seu desejo, você ataca o cerne do problema. Na minha experiência, você NÃO PODE viver uma vida calma e concentrada se desejar sempre mais coisas novas.

Tenho um artigo em que compartilho os princípios do Zen-budismo e criei uma série de podcast sobre idéias Estóicas. Confira eles se você quiser controlar seus desejos.

Tudo isso não significa que não devemos desejar melhoras para nossas vidas. Pelo contrário, todo o propósito da vida é seguir em frente. Portanto, não tenha medo de definir metas e almejar grandes coisas. Basta conseguir uma coisa depois da outra.

Praticando “Single-Tasking”

Agora é hora de praticar. Ao longo da próxima semana, faça apenas uma coisa de cada vez. Se você é um ser humano moderno que está acostumado com a tecnologia, isso será mais difícil. Mas eu acho que você gosta do desafio, do contrário você não estaria lendo isso. Então tente isto:

Isso também é chamado de estar presente. Apenas seja menos distraído. Isso é tudo. E você pode praticar com qualquer coisa, fazendo apenas uma coisa.

Hora de definir UM objetivo por Área de sua Vida

Somente depois de ter controlado seus desejos e praticado, fazendo uma coisa de cada vez, você está pronto para aplicar a estratégia “Uma coisa” à sua vida.

A razão pela qual você quer praticar é que a vida é longa. Se você dedicar um tempo para se tornar menos distraído pelos desejos, mais confiável você se tornará. Você se tornará uma pessoa que faz o que eles dizem. Você se tornará uma pessoa que alcança o que definiu.

E depois que você começa a conseguir uma coisa depois da outra, você já tem impulso. Seu trabalho será manter o ritmo.

É assim que as pessoas se tornam felizes e ricas. Ambas as coisas se acumulam com o tempo.

Lembre-se de manter a imagem maior em mente. Você alcançará todos os seus objetivos. Quem se importa se você os alcança agora ou no futuro? O que importa é que você não seja influenciado pelo desejo ou por forças externas. Você é o criador de sua própria vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.